segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Livros: Mais dois lançamentos inéditos nas comemorações do Centenário de Prudente !

Em ato solene que precedeu à Noite de Autógrafos, o Prof. Benjamin
Resende fez amplo relato dos acontecimentos que marcaram a história
de Presidente Prudente. Desde sua fundação até os dias de hoje.  
APE e imprensa representadas.
Também autoridades e convidados.


  A história de Pres.Prudente contada por um Historiador em prosa e versos.

Gente de prestígio e tradição na vida social e econômica de Presidente Prudente, veio engrandecer com suas presenças o consagrado Historiador, Professor  e Doutor, Benjamin Resende com o 8º Livro dedicado à sua
 terra natal, comemorando festivamente seu 1º Centenário de fundação.

  O livro"Raízes Prudentinas Centenárias"é uma síntese histórica que teve o    apoio do SENAC - comemorando seus 35 anos na cidade de Pres.Prudente.                                                              ---------------------  

Professor e Historiador, Benjamin Resende prepara-se para uma nova
sessão de autógrafos em seu 8º livro "Raízes Prudentinas Centenárias"
O Auditório esteve superlotado.





Lançamento bastante concorrido.

            Aquí surge o Livro-Reportagem que segue o método progressivo-repressivo, com a narrativa conduzida por flash-backs. Na publicação, o Repórter é o "Contador de histórias", que são inúmeras de nossa região. 

A Mesa Diretora dos Trabalhos, reunida para avaliar o TCC desenvolvido
pelas alunas que concluíram o Curso de Jornalismo da FACOPP:
Anne H.Abe; Camilla Saldanha, Nellise Pinheiro e Stephanee Melo. 
Ao lado da Profª. Drª. Thaísa Bacco,o Prof.MS Tchiago Inague e a   
Profª.Drª.Fabiana Aline Alves,  todos da Universidade do Oeste Paulista. 
Na conclusão do TCC, o Livro no
formato Romance.Foto:Nana Siqueira.

              ----------------------                                                    A Orientadora das alunas que se dedicaram à produção deste                             novo Livro, foi a Profª.Drª.Fabiana Aline Alves, da UNOESTE. 


Alunas e Orientadora que produziram este novo Livro-Reportagem,
trouxeram uma inovação: o Jornalismo Literário. Projeto gráfico foi
desenvolvido por estudantes do 4º Termo do curso Superior de
Tecnologia em Design Gráfico por Luiz Fernando Ogata e Paulo de
Souza Carneiro.
A Sessão de Avaliação e apresentação
do Livro-Reportagem: ALTINO - O
Repórter do Interior - foi prestigiada
pelos Jornalistas Homero Ferreira e
Montezuma Cruz.


          Aprovadas com distinção (mediante defesa do   TCC), as novas Jornalistas deixam seu registro estampado em cada semblante, na certeza de terem contribuído para a criação de um novo livro.  


 Enfim, o Livro-Reportagem que acaba de ser produzido e brevemente deverá ser colocado à venda. É o Jornalismo Literário que reproduz fatos verdadeiros da região de Presidente Prudente. Muitos deles - que aconteceram no século passado - ganharam repercussão nacional e internacional.
                                                  ----------------------------------------
O Professor Benjamin Resende é uma das figuras mais conhecidas do público da cidade de Presidente Prudente e localidades vizinhas. Motivo: sua dedicação à cultura regional com publicações de crônicas e literatura dedicadas à memória "Raízes Prudentinas", desde o Volume I em 1992 da Editora SENAC. Agora, ele chega à 8ª Edição com uma síntese histórica de 260 páginas. O Lançamento ocorreu na noite de 15 de Dezembro/2017, com apoio do Sindicato do Comércio Varejista/Regional de Prudente. Esse lançamento teve o apoio do SENAC que  juntamente com o Centenário da cidade, promoveu o evento comemorativo dos seus 35 anos de implantação como homenagem à cidade e sua população. Além de um Coffee Brack servido após a sessão solene, houve apresentação e oferecimento de exemplares do Livro "Raízes Prudentinas Centenárias"autografadas pelo Prof. Benjamin. Como consequência, formou-se extensa fila em busca dos autógrafos. O Presidente do Sincomércio, Vitalino Crellis usou da palavra para enaltecer a atuação da classe empresarial, congratulando-se com o SENAC e o Prof.Benjamin, pelo novo livro. No final da cerimônia, a Gerente Rita de Cássia Holanda, da Unidade Regional do SENAC fez um agradecimento especial a todos que participaram desse  lançamento editorial.  

O Livro "Raízes Prudentinas Centenárias" conta com 260 páginas e as crônicas foram desdobradas em 4 Ciclos Históricos, desde a fundação em 1917 com as memórias de Francisco de Paula Goulart e José Soares Marcondes, considerados pioneiros e colonizadores. São momentos de construção: I - Presidente Prudente se estrutura no período dos Coronéis da República Velha (1917/1930). O 2º Ciclo Histórico se estrutura no período da Era Vargas (1930/1945) e no período da República Liberal (1946/1964). O 3º momento de construção de Prudente se estrutura no período da Ditadura Militar (1964/1985) - do golpe à outorga da Constituição Cidadã de 1988. O 4º e último Ciclo Histórico é representado pelo momento de construção de Prudente que se estrutura no período da Nova República, partindo da outorga da Constituição de 1988, até os dias de hoje. O Livro chega ao Capítulo 100 com a relação nominal dos Prefeitos eleitos entre 1989 e 2017 e que exerceram seus mandatos executivos. Isto é, desde Paulo Constantino até o atual Prefeito Nelson Roberto Bugalho.

De forma coincidente, num intervalo de apenas 24 horas de antecedência foi feito o lançamento de um novo livro: ALTINO - O Repórter do Interior - que foi resultante de uma defesa de TCC pelas estudantes do 8º Termo do curso de Jornalismo da Faculdade de Comunicações de Presidente Prudente/FACOPP. Elas se apresentaram perante a Banca Examinadora, familiares e convidados, reunidos no Auditório Carvalho - Bloco B-3 - do Campus II da UNOESTE. Atuação brilhante de Anne H.Abe, Camilla Saldanha, Nellise Pinheiro e Stephanee Melo. Em síntese: O Livro-Reportagem (com 240 páginas), que se evidencia pelo Jornalismo Literário, segue o método progressivo-regressivo, com a narrativa conduzida por flash-backs, onde o Repórter é o "Contador de Histórias". O Projeto Gráfico foi desenvolvido por estudantes do curso superior de Tecnologia, em Design Gráfico da UNOESTE, por Luiz Fernando Ogata e Paulo de Souza Carneiro.Integrando a Mesa de trabalhos, os Professores: Thaisa Bacco (Drª), Tchiago Inague (MS) e a Orientadora, Fabiana Aline Alves (Drª). Foto de capa: Nana Siqueira.

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar, acesse o Twitter:  www.twitter.com/altinocorreia


domingo, 10 de dezembro de 2017

Academia Venceslauense de Letras e Associação Prudentina de Escritores comemoram dez anos !

A Artista Plástica Nilza Fumagalli teve a feliz iniciativa de produzir em seu
Ateliê, uma tela como homenagem à Academia Venceslauense de Letras.
Trata-se de  um marco histórico da cidade de Presidente Venceslau, que foi
reproduzido especialmente e dedicado à Profª. Aldora Maia Veríssimo.

Profª.Aldora Maia Veríssimo, nova
Pres.da Academia Venceslauense
de Letras - A.V.L. -Abaixo: O Pres.
da Ass.Prudentina de Escritores/APE 
              Um Show de Arte e Beleza, promovido pela Academia "Horus".

A Professora Carolina Reis, da Academia "Horus" de Pres. Venceslau fez excelente demonstração de danças, dedicadas a todos que compareceram ao Recinto da Câmara Municipal de Pres.Venceslau.

Ex-Pres.Ari Florentino da Silva./AVL
Na Câmara Municipal, o 1º "Sarau 
Literário" da AVL e APE  foi assistido
por um público seleto de Venceslau,
Prudente e outras cidades de 
nossa região.  
----------------------------------------------- 
FOTOS CEDIDAS 
---------------------------------------------------

                          Ada Roque - Bibliotecária - deu um show ! Ela figura como uma das pioneiras da Academia Venceslauense de Letras - A.V.L. -    

   Diretores e Associados da Academia Venceslauense de Letras e Associação Prudentina de Escritores tiveram uma confraternização inesquecível, ao comemorar seus dez anos de existência. 

A saudação do Vice-Presidente da Academia Venceslauense de Letras/
AVL, Dr.Tácito Cortes de Carvalho e Silva ao Presidente da Associação
Prudentina de Escritores/APE, Prof. Carlos Francisco Freixo."Tacinho"
além de Acadêmico é também associado da APE, com destacada atuação.. 
Inocêncio Erbella é um dos fundadores
da Academia Venceslauense de Letras.
A plateia que prestigiou o "Sarau".







   A Associação Prudentina de Escritores - através de seus diretores e associados -decidiu  homenagear a Academia Venceslauense de Letras representada pela Profª. Aldora Maia Veríssimo com esta tela, produzida no Ateliê da Profª.Nilza Fumagalli. 

                                   -----------------------------------------------------
Coincidência ou não, mas a fundação da Academia Venceslauense de Letras/AVL e Associação Prudentina de Escritores/APE aconteceu exatamente há dez anos. Por este motivo, ambas as instituições de cunho cultural decidiram através de seus dirigentes, promover uma festa de confraternização através de um "Sarau Literário" realizado em Presidente Venceslau no último final de semana. A comemoração festiva foi um sucesso sem precedentes, sendo realizada na Câmara Municipal, onde os visitantes foram recepcionados calorosamente a começar pelo acesso através de um "tapete vermelho".A programação se desenvolveu com trabalhos especialmente produzidos para o ato comemorativo, promovido pela nova Diretoria da AVL liderada por sua nova Presidente, Profª.Aldora Maia Veríssimo. O tema previamente escolhido versou sobre o "Renascer". "Que a nossa voz não se silencie, quando a melancolia se aproximar dos nossos dias" - foi a frase inicial pronunciada pelo Prof.Carlos Francisco Freixo. que acrescentou: "Renascer é ter a capacidade de se superar, ganhar forças para ir além de si mesmo e encontrar um novo caminho, uma nova resposta, novas metas e sonhar outra vez. Cada um a seu modo e no seu tempo: um tempo diferente, mas comum a todos nós. Que tal renascermos com nossos versos, nossos talentos, nossa arte?".

Uma extensa programação foi cumprida no Recinto da Câmara Municipal de Presidente Venceslau, onde tudo foi preparado para recepcionar os visitantes. Começando pelo Tapete Vermelho logo na entrada. O Cerimonial anunciou as primeiras atrações e convidou o Prof.Carlos Francisco Freixo, como líder da APE para definir o tema que ele cumpriu logo na abertura. A seguir vieram as atrações da casa, com a demonstração de danças pela Profª.Carolina Reis (da Academia "Horus") e a arte teatral da acadêmica Ada Roque. Dois ex-Prefeitos presentes - também acadêmicos - Tácito Cortes de Carvalho e Silva e Inocêncio Erbella deram continuidade, com a leitura de contos ou comentários sob o tema "Renascer" ou "Renascimento". Blogueiro e Jornalista fui eu (Altino Correia), participante imediato, onde relatei a importância histórica e cultural do Grupo Escolar "Dr.Alvaro Coelho" - hoje EMEF - que segundo a Diretora, Prof.Nely conta com 657 alunos distribuídos em 30 salas de aulas, 14 funcionários e 43 professores. Com bom atendimento desde sua fundação em 1932, a meu ver, a melhor prova do Renascer, que está acontecendo: Aqui e Agora!

Outras atividades de cunho.cultural ou artístico foram desenvolvidas durante o "Sarau Literário" da AVL. Não faltando a participação dos cantores e violonistas, Jamil Tannous Challouts e José Júlio Samogin, poetas e escritores: Aldora Maia Veríssimo, Ada Roque, Ari Florentino da Silva, Roosevelt Roque dos Santos, Helia Jorge Assad, Aparecido de Melo, Marcelo Tacca, Toninho Moré e os prudentinos: Carlos Francisco Freixo, Apparecida Soares Correia, Neucélia Félix, Manoel Flor dos Santos, Altino Correia e Nilza Fumagalli. A propósito: foi ela quem assumiu a missão e responsabilidade de produzir um tela com imagens que se identificam com a cidade de Presidente Venceslau. E o resultado foi surpreendente: o marco histórico que é logomarca adotada como simbolo da Academia Venceslauense de Letras/AVL (que tem como Patrono o ex-Jornalista e Escritor Hélio Serejo), foi reproduzida numa tela no Ateliê da Profª. Nilza Fumagalli. No encerramento do "Sarau", foi entregue solenemente à Profª. Aldora, como homenagem da Associação Prudentina de Escritores/APE.

NOTÍCIA EM TEMPO REAL -  Para se atualizar, acesse o Twitter: www.twitter.com/altinocorreia

  

sábado, 2 de dezembro de 2017

Município institui "Medalha do Centenário" para homenagear as personalidades de maior destaque !

 Três medalhas foram conferidas a quem mais se destacou no decorrer dos últimos anos em Presidente Prudente: Sra.Maria Auxiliadora de Freitas Constantino; Prof.Agripino de Oliveira Lima Filho e Sr. Milton Pennacchi.

A Sra. Maria Auxiliadora de Freitas Constantino - a primeira a receber flores
e homenagens do Prefeito e Vice-Prefeito - foi muito aplaudida em todos os
momentos no Salão Nobre da Toledo - Centro Universitário. A ela, são
atribuídos todos os méritos p/conquista do Hospital Regional do Câncer.    
Paulo Constantino veio pessoalmente.

Filhas,genros, netos e bisnetos tb
vieram participar da grande festa.
Plateia selecionada superlotou o Salão Nobre da Toledo, numa demonstração de prestígio dos homenageados. Os que
vieram para cá, foram especialmente convidados e com suas presenças demonstraram que o ato foi muito significativo.
O Prof. Agripino de Oliveira Lima Filho - embora ausente - foi representado
pelo neto Murilo, homenageado como um dos maiores empreendedores.

  

Sr. Milton Pennacchi e D.Marlene. 

    ,          

                                                                                        No ano de 1961: uma nova Faculdade foi implantada em Presidente Prudente pela Instituição Toledo de Ensino: O Reitor e seu genro Milton Pennachi vieram juntos para esse ato de pioneirismo que envolveu e beneficiou toda a população do Extremo Oeste Paulista. (Fotos cedidas).

A geração do saudoso Reitor Antonio Eufrásio de Toledo foi lembrada em boa hora em que a comunidade inteira
festeja o "Centenário da cidade". A contribuição dessa importante Instituição vem sendo acompanhada desde que
foi implantada a Faculdade de Direito no dia 13 de Maio de 1961.A aula inaugural ocorreu no dia 29 de Maio/61. 
O Prefeito Nelson Roberto Bugalho, criou uma maneira  de homenagear as
pessoas que ajudaram com esforço e trabalho a construir a cidade.
Milton Pennachi é considerado um
maiores construtores do progresso.
 
             


                                                                A Lei Municipal que criou a medalha comemorativa do Centenário de Presidente Prudente, passou pela Câmara Municipal onde foi aprovada pelos Vereadores. Nesta primeira Edição, os homenageados são três ilustres personalidades. Mas outros virão no decorrer dos próximos anos para o recebimento de medalhas - disse o Prefeito.

      Os que tiveram papel relevante no progresso e desenvolvimento da cidade e desempenharam funções benéficas para a comunidade, jamais serão esquecidos: Justas homenagens à Sra.Maria Auxiliadora de Freitas Constantino; Agripino de Oliveira Lima Filho; Milton Pennacchi e Dona Marlene Toledo Pennachi.                                                          -----------------------------------

As comemorações alusivas ao "Centenário de Presidente Prudente" tiveram novo desmembramento que culminou com a entrega de Medalhas conferidas a três personalidades de destaque na história da cidade que é considerada "Capital Regional". O Prefeito Nelson Roberto Bugalho, ao tomar posse no início do ano incluiu em sua Agenda uma homenagem especial a três personalidades de destaque pela seu histórico de trabalho em prol da comunidade: Sra.Maria Auxiliadora de Freitas Constantino - esposa do ex-Prefeito Paulo Constantino; Prof. Agripino de Oliveira Lima Filho e Sr.Milton Pennacchi, Diretor Superintendente da Associação Educacional Toledo (mantenedora da Toledo Prudente/Centro Universitário). A entrega dessas medalhas comemorativas, verificou-se na noite de 30 de Novembro de 2017 no Salão Nobre do Centro Universitário. Na plateia e no palco, convidados especiais, familiares e amigos dos homenageados, representantes de instituições de ensino e de empresas, dirigentes políticos, clubes de serviços, representantes da imprensa, Polícia Militar e Câmara Municipal. Ato prestigiado pelo Prefeito, Vice-Prefeito e Deputado Estadual, Ed Thomas.

O Coral dos Servidores Municipais interpretou o Hino Nacional Brasileiro e o Hino de Prudente e a partir daí, o Cerimonial apresentou o "curriculum vitae" de cada homenageado. O Prefeito foi o primeiro a falar: "A medalha será concedida todos os anos como foma de agradecer a todos que ajudaram a construir nossa cidade. Hoje, homenageamos 3 pessoas nascidas na década de 30; que são 3 exemplos de vida que contribuíram para o progresso de Presidente Prudente". D.Maria Auxiliadora - casada há 60 anos com o ex-Prefeito Paulo Constantino - agradeceu.a todos pela homenagem que lhe foi prestada. "Estou superfeliz com essa iniciativa de homenagear 3 pessoas que ainda podem agradecer sorrindo e comemorar com seus amigos e familiares essa conquista. Não adianta homenagear os mortos" - disse emocionada. O médico e Prof.Murilo de Oliveira Lima Carapeba - que representou o avô Agripino - afirmou que a família Oliveira Lima está muito agradecida por essa homenagem. "Durante toda sua vida, meu avô demonstrou humildade. Nunca fez distinção entre pessoas. Tratou todos com igualdade" - acentuou.

A descontração da noite de homenagens no Salão Nobre da Toledo Prudente Centro Universitário ficou por conta do homenageado e dono da casa, Sr. Milton Pennacchi, mineiro de Ouro Fino/MG (com 85 anos de idade). Ele foi Diretor Geral do Centro Universitário "Antonio Eufrásio de Toledo" e hoje é membro do Conselho de Administração, tendo feito brilhante gestão à frente da Instituição. O homenageado fez um retrospecto de sua vida funcional como Bancário. Dentre as pessoas que iniciaram sua carreira profissional "com a gente" citou o atual Prefeito Nelson Roberto Bugalho "que foi nosso aluno e professor. Estou aqui realizado. Esta cidade cresceu muito e a gente vem acompanhando seu desenvolvimento". Depois, "seo" Milton agradeceu a medalha e as flores recebidas  e fez uma declaração de amor à esposa, D.Marlene, com quem teve 6 filhos. Agora eles vêem a 4ª geração chegando para dar continuidade à gestão educacional do Centro Universitário, por eles iniciada com pleno êxito. 

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar, acesse o Twitter:  www.twitter.com/altinocorreia 



quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Associação Cultural, Agrícola e Esportiva realiza Exposição de Arte e Cultura em homenagem ao Centenário de Prudente !


No Centro Cultural Matarazzo, a ACAE montou uma Exposição de Arte e Cultura p/homenagear os 100 anos de Pres.Prudente


         A Exposição Visual de Arte e Cultura vai até o dia 30 de Novembro.  

    O Prof.Toshio Koketsu, em nome de toda a comunidade nipo-brasileira fez questão de montar  
    uma Exposição que envolve várias gerações - desde os primeiros imigrantes - até os dias atuais.
  Ele é um especialista em Artes Marciais e veio para Presidente Prudente, onde atua desde 1975.

Kirigami - do japonês Kiru = recortar
e Gami = papel, criando seres e objetos
Aqui foi montada uma Exposição de Origami, que nada mais é do
que a arte tradicional e secular japonesa de dobrar o papel, criando
representações de objetos e animais.
A Arte gravada em mármore, foi uma iniciativa de Tadashi  Mizukawa.

 Aves e animais são novidade.

                          As Artes plásticas ganharam espaço nesta Exposição na Galeria "Takeo Sawada", começando pelo saudoso Kinya Ikoma e outros destacados valores. 

Algumas telas trazidas pera esta Exposição Culltural do Centenário
retratam o avanço alcançado pelas Artes Plásticas, que desde longa
data vem revelando valores culturais dos mais expressivos.



O "Taiko" veio como presente. 

   Numa justa homenagem ao Prof.Toshio Koketsu, é mostrada esta tela a todos os visitantes que chegam a Exposição do Centenário no Centro Cultural Matarazzo. Trata-se de protótipo do navio de guerra - GUNKAN - obra prima de autoria de Shigueo Koketsu, produzida no ano de 1950.  
                                                  ---------------------------------
A chegada dos primeiros imigrantes japoneses à região de Presidente Prudente está prestes a completar 100 anos. De acordo com os registros existentes, duas famílias japonesas instalaram-se nesta área territorial em 1918, numa distância aproximada de 4 km da Vila Goulart . No ano seguinte, outra família nipônica instalou uma pequena Loja comercial no mesmo vilarejo. Por isso, o Censo Demográfico de 1923 registra a participação de três famílias de origem japonesa na zona urbana e 28 na zona rural, perfazendo então o total de 31 famílias de japoneses em Presidente Prudente. Preparando-se para as comemorações dos 110 anos de Imigração em 2018, a ACAE - Associação Cultural, Agrícola e Esportiva - de Presidente Prudente decidiu promover a "Exposição do Centenário" que está sendo realizada na Galeria "Takeo Sawada", no Centro Cultural Matarazzo. A mostra está aberta ao público até o dia 30 de Novembro. O evento conta com os trabalhos de Emi Maeda, da Diretoria Cultural e Coordenação do Prof. Toshio Koketsu.

Nascido em Vera Cruz/SP, o Professor Koketsu veio para Presidente Prudente (juntamente com sua família) em 1975 e tem prestado relevantes serviços à comunidade nipo-brasileira, através de sua atuação nos setores de Esportes, Educação e Cultura. Face às comemorações dos 100 anos da cidade, o espaço cultural montado pela Diretoria Cultural da ACAE, expõe alguns itens que simbolizam as tradições, bem como relíquias e quadros de renomados artistas plásticos. A maioria deles deixou seus traços ou sinais de contribuição no decorrer do período. O Coordenador explica inicialmente que o TORII é um portão tradicional japonês - ligado à tradição xintoísta - e assinala a entrada ou proximidade de um "Santuário". É composto por 2 pilares verticais, unidos no topo por uma trave horizontal, muitas vezes coloridos e tons avermelhados. Não há consenso a respeito de sua origem.

Uma decoração que consiste num arranjo com hastes de bambu, ramos de pinheiro e ameixeira é conhecido por KADOMATSU. Seu simbolismo vai mais além de uma peça decorativa. Significa "portão de pinheiros" e serve para acolher supostamente os espíritos ancestrais ou "Toshigami", que quer dizer: "Deuses do Ano Novo". A parte principal consiste em 3 hastes de bambu em tamanhos diferentes e extremidades cortadas em diagonal, que significam: o céu, a humanidade e a terra. Nas fotos de nosso blog, pode ser visualizado um KIMONO - Yukata.- considerado traje tradicional japonês. O Professor Koketsu explica que os kimonos são geralmente usados nas cerimônias de casamento, culturas tradicionais, cerimônia do chá, dança japonesa ou ocasiões especiais. Depois vem o ORIGAMI, que é uma arte secular japonesa de dobrar o papel, criando representações de objetos e animais. Em seguida, KIRIGAMI (do japonês kiru, que significa recortar) e KAMI (igual papel), que é arte tradicional japonesa de recortar o papel, criando representações de determinados seres ou objetos. IKEBANA é arte japonesa de arranjos florais, também conhecida por KADO. E por fim, SUMIE que é uma técnica de pintura oriental que surgiu na China no Século II da era cristã. Da China, o SUMIE foi levado para o Japão, onde tornou-se mais difundido.

NOTÍCIA EM TEMPO REAL -  Para se atualizar, acesse o Twitter:  www.twitter.com/altinocorreia