domingo, 13 de agosto de 2017

Dia do Advogado foi festivamente comemorado em Presidente Prudente !

     Desde 20 de Dezembro de 1982, aqui funciona a CASA DO ADVOGADO.                 O terreno foi doado pela Prefeitura Municipal de Presidente Prudente. 
O Presidente da OAB - 29ª.Subsecção é o Dr. Rodrigo Lemos Arteiro, está
cumprindo seu 2º mandato (de 2016 a 2018). O 1º mandato verificou-se
no período de 2013 a 2015.. A Ordem dos Advogados do Brasil -OAB-SP-
foi fundada em 22 de Janeiro de 1932, portanto há 85 anos.
(Ao lado, Galeria dos Ex-Presidentes da OAB-SP-29ª.Subsecção)


                               

                                              Na data comemorativa ao Dia do Advogado - 11 de Agosto - a OAB-SP/Regional de Presidente Prudente realizou solenidade de outorga de Carteira da Ordem para 50 novos Estagiários e Advogados. Posteriormente, baile em homenagem à classe.

11 de Agosto de 2017 foi um dia inesquecível para todos componentes de mais uma turma (cerca de 50 integrantes),
contemplados com suas Carteiras na sede da OAB/SP - Regional de Presidente Prudente - 29ª. Subsecção.

     Na Toledo Prudente - Centro Universitário - Linha de Exposição do Tempo que marca os 85 anos da OAB - Ordem dos Advogados do Brasil. É a única Instituição na região de Pres.Prudente a receber essa importante mostra em 2017. 

   Essa Exposição permanece aberta ao público até o dia 16 de Agosto. Informações:(18)-3901-4000
A mostra revela acontecimentos importantes e conta um pouco da história
e da cultura brasileira por meio de imagens e relatos. Vale a pena visualizar.
Adicionar legenda
O Coordenador do curso de Direito da Toledo Prudente, Sérgio Tibiriçá
Amaral ressalta que a função de Advogado é a única que tem assento na
Constituição. A OAB ao longo de sua trajetória tem se pautado em defesa
das grandes causas do país. Como: Diretas-Já, Impeachment e outros. 


   Depois das comemorações alusivas aos 85 anos da OAB-SP, começam os preparativos para a realização da XXIII Conferência Nacional da Advocacia Brasileira, a ser realizada em São Paulo em Novembro de 2017. "A luta para a construção de um Brasil mais justo para todos"!                                                                                     ----------------------------------------

O último fim de semana em Presidente Prudente foi dos mais movimentados para a classe jurídica, profissionais liberais e respectivas famílias, pois a Ordem dos Advogados (Regional de Presidente Prudente), juntamente com a Toledo Prudente-Centro Universitário promoveram celebrações especiais. Tudo pela passagem dos 85 anos  da OAB/SP na sexta-feira, dia 11 de Agosto. A mostra "Linha do Tempo OAB-85 anos" -  foi montada numa Sala Especial da Toledo, sendo franqueada a todos os interessados até o dia 16 de Agosto. Uma chamada para quem visita a Exposição de Banners: A mostra revela acontecimentos importantes que marcaram esse período no Brasil e conta um pouco da história e da cultura brasileira por meio de imagens e relatos. A Toledo - diz o cartaz - é a única instituição de ensino da região a receber a exposição , que marca os 85 anos da OAB - Ordem dos Advogados do Brasil - no ano de 2017. No mesmo dia, a 29ª Subsecção da OAB-Regional de Prudente- promoveu a outorga da Carteira da Ordem na Casa do Advogado a cerca de 50 novos Estagiários e Advogados. A solenidade foi marcada pela posse de três Comissões.

Na Toledo/Prudente - Centro Universitário - contextualizada no cenário político-econômico do país, a exposição é construída a partir da trajetória da instituição que demonstra sua participação em prol da cidadania, da defesa dos direitos individuais e da preservação do Estado Democrático e de Direito. Para o Presidente da OAB de  Presidente Prudente, Rodrigo Lemos Arteiro, a exposição é uma excelente oportunidade para conhecer um pouco mais da história do país: "Ela registra fatos relevantes da OAB por meio de uma Linha do Tempo". Fatos esses que entrelaçam com a história do constitucionalismo brasileiro. Espero que a sociedade aproveite essa oportunidade - acentua. Aproveitando a data marcante, o Presidente da 29ª Subsecção da OAB/SP, aproveitou para lembrar os 190 anos de instauração das primeiras Faculdades de Direito no Brasil, contribuindo com a história do país e com o avanço do processo democrático brasileiro. "O Advogado é o representante da manifestação da construção de direitos fundamentais, quando exerce sua função deliberativa, pois é o 1º Juiz da causa" - disse Arteiro  

Para o Coordenador do curso de Direito da Toledo Prudente, Sérgio Tibiriçá Amaral, a função de Advogado é única que tem assento na Constituição. Isto porque o profissional é essencial à Justiça e ela, é um pilar da democracia. Fica aqui o meu convite a toda a comunidade jurídica e acadêmica da região de Presidente Prudente para que visite a Exposição; que relata a história bastante.importante da Ordem dos Advogados do Brasil, uma instituição muito séria, que ao longo dos anos pautou-se em busca de Direitos Humanos e Justiça. A Casa do Advogado de Presidente Prudente (29ª.Subsecção), foi fundada em 1933 e - sempre atenta às questões políticas - teve como seu 1º Presidente, o Dr. Tito Lívio Brasil. 

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar, acesse o Twitter:  www.twitter.com/altinocorreia


sábado, 29 de julho de 2017

Unesp (60 anos) é destaque no Ano do Centenário de Presidente Prudente !

As Bandeiras do Brasil, do Estado e da Universidade tremulam todos os
dias, o mais importante referencial de uma nova fase de desenvolvimento.É
um marco de pioneirismo cultural e científico, criado exatamente há 60 anos.
O Reitor e o Vice-Reitor da UNESP.
O atual Diretor da FCT/UNESP.
Adicionar legenda

Uma visão ampla do Câmpus da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp que ocupa uma área de 40 hectares. Localiza-se no interior da malha urbana de Presidente Prudente, com cerca de 40.000 m2 de edificações. 


i
Engenharia Cartográfica, nasceu por
inspiração do Prof.Dr.Marcos Alegre.
Ao lado do  Prof.Dr.José Gomes dos Santos, que é  Professor
Auxiliar no Departamento de Geografia da Faculdade de Letras
(Universidade de Coimbra e  Investigador no Centro de Estudos
de Geografia e Ordenamento do Território/CEGOT), o Prof.Dr.
Amilton Amorim - Chefe do Departamento de Cartografia da
Faculdade de Ciências e Tecnologia da UNESP - Câmpus de
Presidente Prudente/ SP  e Coordenador do IV Simpósio
Brasileiro de Geomática/SBG-2017 - presidiu os trabalhos de
dois grandes eventos de âmbito nacional e internacional.
 
O atual Vice-Diretor, Prof.Dr.Zeca.
Nos eventos realizados, participação de docentes do Brasil e Portugal.

Pelo espaço de uma semana houve intensa movimentação no Câmpus da
FCT/Unesp, com eventos especiais comemorativos aos 40  anos do curso
de graduação e 20 anos da Pós-Graduação em  Ciências Cartográficas.
 
O Prof.Dr. João Fernando, foi um dos
homenageados pela sua atuação.




           Graduados e Pós-Graduados de Engenharia Cartográfica e Ciências Cartográficas tiveram em Presidente  Prudente, participação ativa nos eventos relacionados à II Jornadas Lusófonas sobre Ciências e Tecnologias de  Informação Geográfica e IV Simpósio Brasileiro de Geomática/SBG-2017.                                                                   -----------------------------------------
Na cidade de Presidente Prudente as atenções estão voltadas quase que exclusivamente para as comemorações  alusivas ao "Centenário" que serão concentradas no mês de Setembro. Por este motivo, em boa hora concluiu-se que a Instituição pioneira que aqui se implantou há 58 anos foi a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras - FAFI - criada por ato assinado pelo então Governador Jânio Quadros no dia 17 de Setembro de 1957 (Lei nº 4181). De FAFI à IPEA, deu origem à implantação da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"/UNESP no dia 30 de Janeiro de 1976 (Lei nº 952). O 1º Diretor - Prof.Dr.Joaquim Alfredo da Fonseca - foi nomeado no dia 06 de Agosto de 1958 e a instalação da Faculdade pioneira foi autorizada por Decreto Federal (45.755) no dia 13 de Abril de 1959. Com os cursos de Geografia e Pedagogia. O Diretório Acadêmico recebeu a nomenclatura equivalente à data oficial de abertura: 03 de Maio de 1959. Quem conhece profundamente essa história é o Jornalista e Sociólogo, José Vinícius Barbosa da Silveira; que veio para Presidente Prudente como 1º Secretário do Diretor da Faculdade de Filosofia/FAFI.

Instalada a Faculdade pioneira, só foram autorizados os novos cursos de Matemática e Ciências Sociais a partir de 1963 e seis anos depois, o curso de Licenciatura em Ciências. Em 1975, Estudos Sociais. No dia 30 de Janeiro de 1970 por Decreto nº 191, a Faculdade (juntamente com 14 Institutos Isolados de Ensino), foi transformada em Autarquia de Regime Especial. Em 1976 foi criada a UNESP e no mês de Julho de 1977 implantado o curso de Engenharia Cartográfica - único até hoje no Estado de São Paulo - e outros cursos em número de doze (12) no Câmpus Universitário da FCT/Unesp em Presidente Prudente.  Vinte anos após instalação do curso de graduação em Engenharia Cartográfica, foi implantado o curso de Pós-Graduação em "Ciências Cartográficas", comemorado festivamente nesta última semana através de dois eventos de âmbito nacional e internacional. O número de participantes dos eventos técnico-científicos e comemorativos - incluindo docentes de Universidades Públicas de Portugal e Cabo Verde - foi aproximado de trezentos (300). Vieram também representações brasileiras de graduação, pós-graduação e profissionais das principais Universidades Federais, Estaduais e Autárquicas.

Segundo o Prof.Dr.Amilton Amorim (Chefe do Departamento de Cartografia e Coordenador do Simpósio Brasileiro de Geomática/SBG-2017), a série de eventos da Cartografia começou em 1992, com a realização do 1º Encontro - 15 anos na FCT/Unesp - e o 2º evento "Impacto das novas tecnologias na Engenharia Cartográfica" em 1997, comemorando os 20 anos do curso de graduação. Naquele mesmo ano, nascia o Programa de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas; e dando sequência á série foi realizado o I Simpósio Brasileiro de Geomática - de 9 a 13 de Julho de 2002 - em comemoração aos 25 anos do curso de Graduação e 5 anos do Programa de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas. Desde então, se realiza o Simpósio Brasileiro de Geomática com periodicidade de 5 anos. O próximo evento relativo às Jornadas Lusófonas sobre Ciências e Tecnologia de Informação Geográfica está previsto para 2020 em Cabo Verde - concluiu o Prof.Dr.Amilton Amorim.

NOTÍCIA EM TEMPO REAL -  Para se atualizar, acesse o Twitter: .www.twitter.com/altinocorreia
     

terça-feira, 11 de julho de 2017

Revolução Constitucionalista comemora 85 anos, homenageando os descendentes do BCPP !

Uma festa patriótica que já tem 85 anos, sendo
realizada na Praça 9 de Julho, todos os anos. 

Cerca de 800 pessoas marcaram presença nas solenidades públicas, que
foramm desenvolvidas Domingo (dia 9 de Julho), diante da Catedral de
São Sebastião. Autoridades civis e militares prestigiaram o evento.
Foi uma festa inesquecível, prestigiada pela comunidade local. 
O Batalhão Constitucionalista de
Pres.Prudente foi comandado pelo
Cel.Miguel Brisola de Oliveira.
Ele foi Prefeito de três municípios.
               Fotos cedidas: Marcos Sanches.

Esta é uma foto histórica que mostra o Comando Geral do Batalhão Constitucionalista de Pres.
Prudente (formado p/voluntários), logo após sua formação em 1932 reunindo 1.200 combatentes.

Justas homenagens prestadas pela comunidade atual aos ex-combatentes. 
Violanda Ferrari Bariani (102 anos).


A Parada Cívico-Militar para homenagear os ex-combatentes e seus descendentes, reuniu inúmeras corporações do TG, PM e sua "Força Tática": Polícia Rodoviária, Ambiental, TG, Bombeiros, Cavalaria, Segurança Aérea, Escoteiros, Lions, Ordem Demolay e outros.

Livro de 1934 foi reeditado e entregues alguns exemplares (em nome da MMDC)  pelo Cap.Vitor Bazzo ao Prefeito Municipal e Assoc.Prudentina de Escritores 

"Cruzes Paulistas" tem 600 páginas que envolvem 635 ex-combatentes. 
1º exemplar, nas mãos do Prefeito e
seu Secretário Valmir Silva Pinto
Camargo/prudentino,tem sua história
Vitor Bazzo fez questão de reservar um exemplar do Livro "Cruzes Paulistas"
para a Biblioteca da Associação Prudentina de Escritores/APE, aqui muito
bem representada pelo Prof. Carlos Francisco Freixo - Pres.da Associação.
O livro está franqueado a quem quiser fazer uso e conhecer essa epopeia. 
Cel.Brisola: monumento em Venceslau
Um exemplar p/o Acervo da A.P.E.

Aos que tombaram em defesa dos ideais de democracia e liberdade em 9 de Julho de 1932, as homenagens de nossas autoridades e seus descendentes ! 

A solenidade pública termina aqui, ao lado do Mausoléu em homenagem ao "Soldado Constitucionalista" e todos que combateram o Governo centralizador, em defesa da Constituição.  Pres.Prudente e cidades vizinhas foram muito bem representadas e cumpriram sua missão

-----------------------------------------
O último Domingo - 9 de Julho - foi de muita festa em Presidente Prudente e outras cidades.  Mas o maior destaque foi para a solenidade pública em homenagem aos ex-combatentes da Revolução Constitucionalista de 1932, também conhecida como "Guerra Paulista". Cerca de 800 pessoas prestigiaram o evento, a começar pelas autoridades constituídas, corporações militares, clubes de serviços e outras Instituições. Numa retrospectiva de 85 anos atrás é fácil recordar que o país vivia um clima de insegurança por questões políticas e administrativas. A Constituição Federal foi quebrada com um golpe que derrubou o Governo de Washington Luis, para ser substituído por um ditador (Getúlio Vargas). São Paulo reagiu com várias manifestações envolvendo personalidades de todas as camadas sociais, especialmente jovens estudantes. Um deles (Antonio Américo de Camargo Andrade), era de Presidente Prudente e tornou-se "mártir" ao eclodir a ação reacionária ao grupo MMDC, sendo o 1º a  ser executado na Praça da República, em São Paulo. Com ele, tombaram: Mário Martins de Almeida, Euclydes Bueno Miragaia e Dráusio Marcondes de Souza. A 5ª vítima foi Orlando de Souza Alvarenga, de Muzambinho/MG. 

Na festa que comemorou os 85 anos da Revolução Constitucionalista, o que mais chamou a atenção foi a presença de uma descendente que representou seu ex-marido e ex-Soldado Matheus Bariani - Sra.Violanda Ferrari Bariani - nos seus 102 anos de vida. Na programação, alguns oradores: o Prefeito Nelson Roberto Bugalho, a Profª. Ondina Barbosa Gerbasi e o Professor e Historiador, Benjamin Resende. Mais uma vez foram evidenciados os nomes dos ex-combatentes, a começar pelo Comando Geral com o Cel.Miguel Brisola de Oliveira, Capitão-médico, Domingos Leonardo Cerávolo, Jurista, Queiroz Telles, Dirigente Administrativo, João Paulo Pratt, Capitão Afonso Negrão (idealizador do Trem blindado), Tenentes: Nicolau Maffei, Cassemiro Dias, Sargento Firmino Leão, Osvaldo J.Barbosa, Mânlio D'Incáo, Manoel Gonçalves, Dimas Maria, Aldo Chioratto, Claudionor Barbieri e o Soldado desconhecido: "Amendoim", um morador de rua de Presidente Prudente. De todos os ex-combatentes (inclusive de outros Estados), 352 restos mortais estão alojados no Mausoléu do Soldado Constitucionalista de 32, em São Paulo. Falecidos em combate: 629 e em outras localidades foram sepultados 2.831 ex-combatentes.

Vitor Bazzo - que representa o 13º Núcleo de Correspondência do MMDC no interior de São Paulo - presenteou o Prefeito Bugalho, seu Secretário Valmir e o Presidente da Associação Prudentina de Escritores, Professor Freixo, com exemplares do Livro  da Editora Gráfica Regional de Itapetininga "Cruzes Paulistas" em sua 2ª Edição. Um detalhe especial para a biografia do Soldado "Amendoim" (que tem um obelisco em sua homenagem na Av.Cel.Marcondes) era um morador de rua. Bazzo faz o relato: Todos o conheciam por ser frequentador assíduo das dependências policias (no xadrez). Segundo se revelou, era uma figura comum, similar a um trabalhador sem terra,  sem família, sem lar e sem amparo algum. Mas ao eclodir o movimento revolucionário, foi um dos primeiros a se alistar. Não sabia os nomes dos pais e nem desejava que alguém fosse informado. E assim, o Soldado "Amendoim" partiu para o combate. Na linha de fogo, o "Amendoim" era outro: valente, destemido, calmo e ousado. "Morreu combatendo no setor de Salto Grande. Anônimo na vida, foi também anônimo na morte. Desapareceu, sem deixar vestígios"... 

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar, acesse o Twitter:   www.twitter.com/altinocorreia

domingo, 2 de julho de 2017

Em pleno Inverno com clima quente e seco, os ipês rosa cobrem a cidade e região !

  Espécie nativa da botânica brasileira mostra toda sua beleza, imponência e esplendor !

Os ipês das variedades "Rosa" ou "Roxo" são os mais
visualizados em Presidente Prudente e toda região.

No Centro ou na periferia da cidade.
   A Secretaria Municipal do Meio Ambiente vem intensificando o plantio de árvores ornamentais.
  Nos últimos anos - segundo dados oficiais - Pres.Prudente recebeu mais de 120 mil mudas de árvores, incluindo os ipês (30 ou 40 mil mudas nos bairros) e também no centro e área rural. 
Florescendo o Ipê Rosa (bola).
Responsável pela Meteorologia da Unesp, o Prof.Dr.José Tadeu Garcia
Tommaselli revela que a precipitação em Junho foi 20% abaixo da média.
  O Parque do Povo sediou no último fim-de-semana importante encontro em defesa da ecologia. Para colorir o Parque, as mais variadas espécies botânicas.  

Esta foi uma concentração pública que reuniu estudantes, ecologistas, autoridades e grupos de jovens.

O plantio das flores mereceu participação especial do Prefeito N.Bugalho.
  Aumentam as áreas verdes !

As crianças aderiram ao plantio das novas espécies dos
Ipês Rosa (bola) e outras variedades botânicas.  O 
plantio simbólico no Parque do Povo foi muito além da 
expectativa, com milhares de mudas plantadas no decorrer
dos últimos anos. Os valores da temperatura na atual 
estação do ano - segundo a Unesp - foram 0,4ºC acima da
média histórica. "Foi um Junho clássico e as floradas dos 
ipês acontecem em duas épocas, dependendo da variedade".
No Pq.do Povo as flores desabrocham.
O Ipê Rosa (bola) é visto e admirado.

            No ano do Cinquentenário de Presidente Prudente, o Ipê Rosa foi adotado oficialmente como "Árvore Símbolo"; e aí está como amostragem. 


Esta é uma variedade botânica que faz parte da cultura indígena. Suas floradas desabrocham com maior frequência no inverno e têm a duração de até duas semanas. Sendo uma espécie nativa está sujeita às condições climáticas - e como Junho foi normal - as floradas também foram normais.                                                          ----------------------------------
Ruas, praças públicas e até estradas ou rodovias no meio agropecuário ostentam um cenário multicolorido proporcionado pela florada dos ipês. Agora, em pleno Inverno surgem as variedades "Rosa" ou "Roxo" e para despertar maior atenção os chamados Ipês "Bola", que cobrem boa parte das áreas rural e urbana de Presidente Prudente. A florada, que já era vista e admirada por todos, ficou ainda mais atraente neste Inverno, devido aos valores da temperatura a partir do mês de Junho, onde a Meteorologia da Unesp registrou 0,4ºC acima da média histórica, segundo afirmação do Prof.Dr. José Tadeu Garcia Tommaselli, um especialista em assuntos meteorológicos. O valor da precipitação do período foi 20% abaixo da média, sendo Junho considerado um mês "clássico" com floradas normais dos ipês. Especialmente do Rosa "bola". Em média, as chuvas do período foram mais intensas em Janeiro (338 mm); Maio (163,2mm); Abril (86,2mm); Fevereiro (49,0mm); Junho (44,2mm) e Março (38,2mm). Em junho de 2017 foram constatados apenas 6 dias chuvosos. Em Janeiro, 25 dias com chuvas. 

"Colorindo o Parque do Povo" - a maior área verde da cidade de Presidente Prudente - houve a maior movimentação no último final de semana, onde foram plantadas flores e centenas de mudas de árvores (especialmente ipês). As principais autoridades municipais estiveram presentes, juntamente com boa parte da comunidade estudantil. O Prefeito Nelson Roberto Bugalho liderou o movimento e orientou o plantio de inúmeras variedades botânicas. O próximo passo certamente deverá chegar às praças e logradouros públicos, bem como as áreas de fundos de vales. Segundo o Secretário Wilson Portella, do Meio Ambiente, no decorrer dos últimos dois anos foram plantadas cerca de 8 mil mudas de árvores da espécie botânica, que somadas às plantações anteriores totalizam aproximadamente 120 mil árvores em toda a área territorial do município. Clima quente e seco (como ocorre atualmente), é o ideal para a florada dos ipês. 

A florada colorida dos ipês - rosa, amarelo, roxo ou branco - faz parte da cultura dos povos indígenas - além da formação social - na produção de arco e flexa para caça e proteção. Tem também importância na construção civil, artesanato e fabricação de móveis, instrumentos agrícolas e tacos. São muitas as denominações para identificação dessa espécie vegetal de variedade botânica: Ipeuna em Minas Gerais; Piuva, no Pantanal e Pau D'Arco no Nordeste brasileiro. Em edições anteriores (postadas em 2012 e 2015), o Blog "Memórias de um Repórter do Interior" inseriu fotos e textos inéditos, que têm sido referências para seguidores e eventuais interessados no assunto. Ao mesmo tempo, o Google (além de reproduzir o conteúdo das matérias), chama a atenção para as imagens que identificam os ipês das variedades "Rosa" ou "Roxo". E o mais importante: as imagens dessas espécies botânicas. De quatro imagens postadas na Internet para a chamada dessas matérias, três são de nossa autoria.

NOTÍCIA EM TEMPO REAL - Para se atualizar,acesse o Twitter:  www.twitter.com/altinocorreia